Prefeitura estuda início das obras da Zona de Processamento e Exportação – ZPE

Dando continuidade às ações de planejamento e visando a atração dos futuros investidores, o prefeito Paulo Piau visitou na manhã desta sexta-feira (13) a área onde será instalada a Zona de Processamento e Exportação – ZPE de Uberaba, ao lado da Stanley – Black & Decker. Juntamente ao secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo, José Renato Gomes, o secretário de Planejamento e Gestão Urbana, Nagib Facury, e o secretário de Serviços Urbanos, Marlus Salomão, a visita teve o objetivo de verificar in loco a área onde deve se iniciar em breve as obras de infraestrutura, que incluem entrada e vias de acesso.

Paulo Piau explica que há obrigações de prazos com este projeto e o primeiro passo é a Prefeitura iniciar a infraestrutura. “Fomos até o local para ver como se chega na área, que são 280 hectares, e verificamos como serão as questões de acesso, pórtico e detalhes de infraestrutura. O primeiro objetivo é quanto ao projeto, e a Secretaria de Planejamento está presente para começarmos a caminhada”, pontua o prefeito.

O secretário José Renato Gomes destaca que o reconhecimento da área e identificação das necessidades foi estratégico para o planejamento. “Será preciso fazer as vias de acesso ao terreno portaria, e darmos assim o pontapé inicial para que a ZPE fique realmente pronta para receber investimentos. As visitas do prefeito à Rússia e China mostraram a necessidade de termos uma ZPE pronta para início de operação. Estivemos em Dubai exatamente em um seminário sobre Zonas Livres, e a gente vê que o mundo inteiro fala esta linguagem. Uberaba tem isso e já fez o trabalho de regularização e desmembramento da área, que está pronta para iniciar construção”.

Os estudos para início das obras é desdobramento de uma série de ações que já vem sendo realizadas pela Prefeitura para implantar a ZPE. Segundo o assessor estratégico de Assuntos Regionais e coordenador executivo da ZPE, Glauber Faquineli, que também acompanhou a visita, em função das viagens externas realizadas pela Prefeitura o prefeito Paulo Piau identificou, junto à equipe, o interesse internacional para a implantação de empresas na ZPE. “As obras iniciais serão importantes para começar a abrir efetivamente as portas para a atração dos investimentos”.

Faquineli destaca que a ZPE é um projeto importante em função do que pode gerar de emprego e renda para o município, e o interesse do mercado internacional traz ainda mais motivação. Vale lembrar que as ZPE caracterizam-se como áreas destinadas à instalação de empresas voltadas à produção de bens a serem comercializados no exterior. Nelas, as empresas se beneficiam de incentivos fiscais, como a isenção de II, IPI, PIS/Cofins, Adicional ao Frete para a Renovação da Marinha Mercante e ICMS.

Publicidade

Anuncie