Saúde capacita servidores que atuam na coleta de dados epidemiológicos

Compartilhe este post

Servidores das seis Unidades Matriciais de Saúde participaram, na manhã desta quarta-feira, 10, de capacitação sobre a importância e manuseio do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Sinan). O encontro foi realizado na Secretaria de Saúde e organizado pelas Diretorias de Atenção à Saúde e Vigilância em Saúde, por meio do Departamento de Vigilância Epidemiológica.

De acordo com o diretor de Vigilância em Saúde, Matheus Assumpção, o objetivo do curso é capacitar os profissionais para que os dados sejam inseridos em sistema de forma mais ágil e célere, contribuindo para os trabalhos da epidemiologia.

“Os registros de forma adequada no sistema são muito importantes para a Saúde, para que possamos elaborar políticas públicas, definir prioridades de intervenção, determinar um cenário epidemiológico específico e traçar plano de ação”, explicou Matheus.

Ainda de acordo com diretor, por meio do Sinan é possível fazer um diagnóstico dinâmico da ocorrência de um evento na população, fornecer subsídios para explicações causais dos agravos de notificação compulsória, além de conhecer os riscos aos quais as pessoas estão sujeitas, contribuindo, assim, para a identificação da realidade epidemiológica de determinada área geográfica.

Confira outras notícias: