Empresas buscam ampliar a diversidade através de vagas afirmativas

Compartilhe este post

Embora haja um longo percurso a ser percorrido para lidar com questões históricas de reparação no mercado de trabalho, é evidente que o ambiente organizacional está passando por mudanças, sobretudo com o aumento dos números de vagas afirmativas para grupos que ainda são minoria dentro das empresas.

Segundo um estudo realizado pela Catho, empresa de recrutamento e seleção, no ano passado houve um crescimento de publicações de vagas afirmativas na plataforma, com um aumento de mais de 300% desse tipo de ação, e um total de 2,7 mil vagas afirmativas no país.

No Brasil ainda há desigualdade quando se fala em presença no mercado de trabalho e em salário. Um outro levantamento feito pela Catho em 2021 mostrou que pessoas negras recebem cerca 34,15% a menos quando comparadas com as remunerações recebidas por colaboradores brancos que ocupam os mesmos cargos.

Uma pesquisa da Mindsight com a consultoria Indique identificou que a maioria da população concorda na aplicação de vagas afirmativas dentro das empresas, onde 74,6% dos entrevistados mostraram ser a favor de ações exclusivas para pessoas negras. Na contramão dessa mudança de mentalidade, a revista Exame divulgou que cerca de 60% das empresas ainda não alcançaram a marca de ter um time com pelo menos 50% de funcionários negros.

Thalia Sousa, analista jurídica na Lexly, empresa que aplica tecnologia para questões jurídicas, explicou sobre as leis específicas para vagas afirmativas e dá alguns exemplos presentes na legislação brasileira.

“No Brasil existem algumas leis que garantem as vagas afirmativas para grupos vulneráveis e minoritários quando se fala no ambiente de trabalho, tanto estaduais quanto municipais. A Lei nº 12.990/2014 garante a reserva de 20% das vagas para pessoas negras em concursos públicos, por exemplo”, esclareceu Thalia.

Thalia conta sobre o que é política e o que é lei quando o assunto são as vagas afirmativas. A profissional explica que “a política, que pode ser tratada como a ação para vagas afirmativas, existe há muito tempo, e é o primeiro passo para discutir medidas a serem tomadas, mas só agora está em evidência e com isso, a abertura de mais projetos de leis voltados para minorias e grupos vulneráveis”.

Ao ser questionada sobre como os recursos humanos podem ser um agente nesta mudança do mercado de trabalho, Thalia elucida que trazendo diversidade ao ambiente de trabalho, as oportunidades para pessoas com vivências diferentes são ampliadas. Os colaboradores se sentem valorizados, visados e acolhidos e entendem que aquele ambiente trata com respeito todas as pessoas, sem distinção e com inclusão, promovendo a igualdade e inclusão social.

A Lexly irá realizar no dia 18 de maio de 2023 às 16h um Webinar com o tema, “vagas afirmativas: como o RH deve lidar com a nova lei de licitações”. O evento será gratuito e abordará as novas leis que afetam os processos seletivos e contratações dentro das empresas públicas e privadas. As inscrições estão abertas através do link e os participantes poderão baixar um ebook exclusivo gratuitamente após a transmissão. O evento também será transmitido nas redes sociais da empresa.

Confira outras notícias: