Soluções inteligentes são tendência do mercado condominial

Compartilhe este post

Durante os últimos anos, a tecnologia se transformou em uma parceira crucial para a administração de condomínios, aprimorando o dia a dia dos síndicos e beneficiando os residentes com uma melhor qualidade de vida. Segundo um levantamento da Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN), o Fórum Econômico Mundial projeta que o PIB mundial terá um aumento de 14% em 2030. Essa projeção se justifica pela maior utilização de Inteligência Artificial nas indústrias e soluções cotidianas.

Isso quer dizer que há uma demanda crescente por tecnologias de segurança inteligente, como câmeras com reconhecimento facial e leitura de placas de carro e alarmes integrados a sistemas de automação. Nesse contexto, o mercado de condomínios inteligentes, ou seja, condomínios que utilizam soluções inteligentes para otimizar a gestão e aumentar a segurança, emerge como uma forte tendência.  

A carência do mercado condominial

Essas necessidades incluíam a falta de serviços de conectividade básicos, como interfonia e internet em fibra óptica, mão de obra qualificada para implantação e gestão tecnológica dentro dos condomínios. Além disso, possuíam altos custos com manutenção de sistemas antigos e legados nos condomínios.

Segundo Josafá Luz, CEO da Loomy Smart Solutions, especialista em soluções inteligentes para condomínios, com uma demanda crescente de pessoas dando larga preferência para condomínios fechados, havia uma tendência indo em direção a um público que busca casas e apartamentos com modernos sistemas de tecnologia de segurança.

“As pessoas se acostumaram a ter altos níveis de tecnologia e segurança em seus ambientes de trabalho, porém, no seu condomínio, ainda conviviam com práticas do século passado, como interfonia e sistema de segurança analógica, controles manuais e com baixa confiabilidade”, complementa o CEO.

O futuro acontece agora

Para o CEO, de maneira geral, os condomínios serão inundados com diversas soluções que pretendem facilitar a vida e o convívio da comunidade que ali habita. O controle dos dispositivos tecnológicos presentes no condomínio estará cada vez mais integrado com os smartphones.

“Vemos o aumento expressivo no investimento em soluções de segurança com inteligência artificial para garantir mais proteção ao patrimônio e, principalmente, às famílias; vemos uma comunidade buscando cada vez mais comodidade no seu dia a dia”, pontua Josafá.

Quais condomínios podem desfrutar dos benefícios?

Para a implantação dessas soluções é preciso avaliar algumas questões, como a quantidade de unidades habitacionais e a estrutura do prédio para serem identificados possíveis obstáculos e adaptações necessárias.

O tempo necessário para a implementação varia de acordo com os serviços contratados, visto que os projetos são completamente escaláveis e modulares, podendo ser adaptados às necessidades específicas de cada cliente.

Confira outras notícias: