Acidez Urbana por François Ramos & Leilane Vieto

Compartilhe este post

Começou?!
Eleições municipais 2024, agora, começaram pra valer! A noite de ontem foi marcada pelo lançamento simultâneo de duas pré-candidaturas: Paulo Piau (PSDB) e Elisa Araújo (PSD). O ex-prefeito tucano utilizou um espaço icônico na história de Uberaba, o Elite Clube, enquanto a atual prefeita de Uberaba optou pelo Centro de Eventos da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu.

Foice
A primeira mulher a ocupar a chefia do Executivo Municipal admitiu para correligionários e apoiadores presentes ao evento que sua administração cometeu alguns erros, mas ressaltou a disposição em buscar o melhor para a cidade, reforçando que sua equipe é formada por pessoas competentes e seu governo caracterizado pela transparência. Elisa Araújo também aproveitou para alfinetar o adversário, Paulo Piau. Segundo ela, Uberaba era um “cemitério de obras paradas”, uma cidade “suja e cheia de buracos”.

Martelo
Paulo Piau, que além de prefeito em dois mandatos consecutivos, foi deputado estadual e deputado federal, não poupou críticas à administração de Elisa Araújo. Entre as falhas apontadas pelo pré-candidato tucano está a falta de disposição em concluir a represa do Rio Uberaba e a perda da fábrica da Heineken para Passos. A tônica presente nos discursos de Piau e Elisa dá um aperitivo do clima beligerante que deve predominar nas eleições deste ano.

Fotos: Divulgação – Arte: François Ramos

Em festa
A Igreja Católica Apostólica Romana realizará, no próximo dia 13 de julho, a ordenação episcopal do monsenhor Geraldo dos Reis Maia, que até pouco tempo esteve à frente da Paróquia São José, no bairro Tutunas. Evento acontece no Ginásio Marista Diocesano, às 16 horas. O Presbítero, que também é reitor do Seminário Propedêutico, se torna o terceiro membro do clero local eleito para servir como bispo. Dom Paulo Mendes Peixoto, arcebispo de Uberaba, frisou que “É um privilégio muito grande. Toda diocese quando recebe a notícia que um de seus padres foi eleito bispo é um presente”.

Sucessão
Antes dele, a honra de servir como bispo, havia sido concedida apenas ao padre Almir Marques Ferreira (entre 1961 a 1978), que foi o primeiro a assumir a Diocese de Uberlândia (criada em 1961 pelo Papa João XXIII); e ao padre Antônio Braz Benevente, eleito para o serviço e nomeado pelo papa Bento XVI, para a Diocese de Jacarezinho (PR), em 2010. Geraldo Maia, recebeu a confiança da comunidade eclesiástica e foi nomeado pelo Papa Francisco para esta função, o que de acordo com o padre Fabiano Roberto, da Pastoral da Comunicação, é um privilégio, motivo de muita alegria.

Responsabilidade
O monsenhor Geraldo Maia, vai servir como bispo em Araçuaí, circunscrição eclesiástica da Igreja Católica, criada em 1913, por meio de uma bula pontifícia do Papa São Pio X. A diocese é constituída por 27 paróquias, o que representa um grande desafio para o clérigo que deixa Uberaba após 36 anos de serviço. A nomeação para servir chega acompanhada de um sentimento misto de alegria e responsabilidade “Mas confiamos na graça de Deus, se Ele nos chama e nos concede a graça para realizarmos a missão”, decretou o religioso.

Foto: Reprodução/Instagram/@arquidiocese.uberaba

PCD
Números da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD), fruto de um Termo de Execução Descentralizada entre a Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (SNDPD/MDHC) e o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), indicam que a população com deficiência no Brasil ultrapassa os 18,6 milhões de indivíduos.

Indicadores
Das cerca de 18,6 milhões de pessoas com deficiência, mais da metade são mulheres, algo próximo a 10,7 milhões. O Nordeste foi a região com o maior percentual de população com deficiência registrada na pesquisa, com 5,8 milhões, o equivalente a 10,3% do total. Na região Sul, o percentual foi de 8,8%. No Centro-Oeste, 8,6% e, no Norte, 8,4%. A região Sudeste foi a que teve o menor percentual, com 8,2%.

Inclusão
Promover o acesso das pessoas com deficiência aos direitos que lhe são garantidos pela Constituição Federal é uma responsabilidade que alcança a União, os estados e, claro, os municípios. Esta semana, a Câmara Municipal de Uberaba demonstrou reconhecer a importância de seu papel neste sentido, ao aprovar projeto de lei de autoria do presidente da casa, vereador Fernando Mendes, e assegurar valores reduzidos de ingresso em eventos culturais para pessoas com deficiência e seus acompanhantes.

Desconto
Segundo a disciplina aprovada por unanimidade, tanto os portadores de deficiência quanto os acompanhantes (cuidador, pai, mãe ou responsável similar) terão direito a pagar 50% do valor total da entrada no evento, bastando apresentar documento oficial que comprove a condição. No mínimo 5% do total dos assentos disponíveis devem ser reservados para este fim. Durante a discussão, o vereador Fernando Mendes, se emocionou e foi às lágrimas. A matéria agora segue para análise do Executivo.

 Foto: Jully Borges/CMU

Duro!
O desrespeito pelo dinheiro público realmente parece não ter limites no Brasil. A deputada federal Silvia Waiãpi, eleita pelo Partido Liberal (PL) do Amapá, teve seu mandato cassado por gastar R$ 9 mil de verba oriunda do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), para realizar um procedimento de harmonização facial. Se identificando como “Mãe, avó, indígena, militar e republicana conservadora”, ela foi eleita em 2022 com a bandeira de “defesa dos indígenas, da mulher, da criança e da família”. Em 2018, Silvia Waiãpi foi uma das quatro mulheres integrantes do grupo de transição de Jair Bolsonaro.

Fúnebre
O pré-candidato do PL à Prefeitura de Uberaba, Samir Cecílio Filho, abordou ontem uma questão que parece não ser preocupação de outros políticos: a morte, ou melhor dizendo, o problema que surge, principalmente para famílias carentes, quando ela acontece. Segundo ele, caso chegue ao comando do Executivo municipal, vai construir um novo cemitério, pois é preciso “garantir que nenhum cidadão de Uberaba tenha que negociar seu direito ao luto”, uma referência clara aos altos custos com serviços funerários e enterros na cidade.

Absurdo
De acordo com o pré-candidato conservador, “o luto virou luxo!”. Samir afirma que mesmo o cemitério público exige pagamentos descabidos que muitos não podem arcar: “Como fica a dignidade das famílias que não têm condições financeiras? Onde está o respeito pelo momento mais delicado na vida de uma pessoa – a perda de um ente querido?”. O liberal garante que se eleito for, as coisas serão diferentes, pois a Uberaba experimentará “uma gestão que priorize a humanidade, não o lucro”.

Foto: Reprodução/Instagram/@samirceciliofilho

Frase
“Um político pensa na próxima eleição; um estadista, na próxima geração.”
(James Freeman Clarke)

Confira outras notícias: