Ao tentar receber parcela do seguro desemprego, uberabense descobre que é “sócio” de fazenda em Goiás

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Ao tentar receber parcela do seguro desemprego, um homem de 48 anos, recebeu a informação que teve o beneficio cancelado pelo fato de seu nome aparecer como proprietário de empresa.
Segundo as informações repassadas à Folha Uberaba, a vítima procurou uma Base de Segurança Comunitária e relatou que, após perder o emprego, passou a ter direito a quatro parcelas do seguro desemprego, tendo recebido a primeira parcela no mês de Setembro e nesta terça-feira,19, foi até a agência da Caixa Econômica Federal da avenida Leopoldino de Oliveira, para receber a segunda parcela, porém foi informado que o benefício havia sido bloqueado, pois no dia 02/09 havia sido aberta uma empresa em seu nome.
No tal cadastro, aparecem outros dois nomes como sócios de uma fazenda no município de Catalão no estado de Goiás, ainda segundo as informações, a atividade principal da empresa e o cultivo de soja e tem como atividades secundárias, o cultivo de arroz, milho, algodão herbáceo, horticultura exceto morango e criação de bovinos para corte.


A vítima relatou ter efetuado dois boletins de ocorrência no mês de Julho por ter sido vítima de estelionato e que no caso dessa empresa, teve seu nome usado por terceiros sem sua anuência e só tomou conhecimento ao tentar receber seu beneficio.

Confira outras notícias: