Feti tem previsão de 40 novas contratações para o mês de junho

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

De janeiro até a primeira quinzena de junho deste ano, a Fundação de Ensino Técnico Intensivo “Dr. Renê Barsam” (Feti) e o Departamento do Bem-Estar do Menor (Probem), registrou a contratação de 230 jovens aprendizes. O número representa um aumento de mais de 65% em comparação ao mesmo período de 2020.

Essas contratações foram feitas por 109 empresas parceiras do programa, entre essas, multinacionais que atuam na região, que contratam jovens com idade entre 14 e 24 anos, que participaram do Curso de Iniciação Profissional da Feti e que agora conseguiram o seu espaço no mercado de trabalho. A informação é do departamento do Bem-Estar do Menor (Probem).

Outro dado importante apontado é que somente na primeira quinzena de junho, foram contratados 27 jovens e a estimativa para o mês é que 40 contratações sejam efetivadas.

Para a gestão, o cenário – mesmo diante da pandemia da Covid-19, que restringiu os cursos ao ambiente remoto – vem sendo considerado positivo e reforça todo o trabalho realizado pela fundação junto aos jovens. “Os aprendizes são monitorados diariamente pela equipe capacitada que atende diretamente ao programa dentro das empresas. Os jovens têm a oportunidade de serem avaliados em tempo hábil para sua evolução profissional possibilitando e, os capacitando, para uma futura contratação. Nossos jovens são preparados para as empresas, de acordo com as exigências de um mercado de trabalho competitivo”, explicou o presidente da Feti, professor Watson Azevedo.

Atualmente, a Feti conta com quase 500 aprendizes em plena atuação em aproximadamente 200 empresas parceiras e mais de 900 jovens que já estão sendo preparados no Curso de Iniciação Profissional.

Lei da Aprendizagem – Desde que a Lei da Aprendizagem (10.097/2000) foi vigorada, milhares de jovens e adolescentes, em todo o País, entre 14 e 24 anos, puderam ter a oportunidade de aumentar seu conhecimento e experiência profissional, sendo considerado um dos programas mais eficientes na contratação de mão de obra qualificada.

A equipe Feti/Probem atende alunos em condições de vulnerabilidade social e, além das funções exercidas no cargo como aprendiz, o grupo também participa de treinamentos, cursos de capacitação, monitoramento do trabalho realizado nas empresas e acompanhamento com profissionais multidisciplinares que oferecem apoio aos jovens e às suas famílias.

A Feti funciona atualmente na Rua Major Eustáquio, nº 790, no bairro São Benedito, local onde funcionou o antigo Clube Sírio Libanês.

Confira outras notícias: