Previous
Next

Formas que podem ajudar ao seu raciocínio e o trabalho em home office

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Formas que podem ajudar ao seu raciocínio e o trabalho em home office

Fonte Pexels

Os acontecimentos recentes colocaram o home office na ordem do dia e, sendo uma ótima forma de trabalho para muitas pessoas não deixam de ser também uma forma bastante exaustiva para o seu cérebro, principalmente se não souber como encaixar uma boa rotina de trabalho.

Trabalhar no mesmo local onde em que se chama lar pode causar uma confusão mental de conceitos e o cérebro acaba por não conseguir ligar o interruptor de produtividade nas horas de expediente precisamente por considerar que está em casa e deve descansar.

Além disso, se juntar ao trabalho todas as outras tarefas necessárias no dia-a-dia de uma casa, juntar mais elementos e, até um espaço de escritório que se confunde com a sala o resultado pode ser catastrófico.

O que poderá ser feito para melhorar a sua produtividade e raciocínio?

Existem de facto algumas estratégias que pode utilizar e se tem revelado úteis para aumentar a produtividade, mas também a capacidade de raciocínio, para quem trabalha em home office, mas não só.

Definir uma rotina

É importantíssimo que planeje uma rotina do seu dia de trabalho. Coloque em agenda tudo o que necessita fazer, as pausas ao longo do dia e o que é ou não prioritário.

Além disso, defina um horário de trabalho e, assim como, acontece com o trabalho fora de casa, arranje-se para trabalhar mesmo que acabe por ficar na sua sala. É essencial que dê ao seu cérebro o sinal de que está na hora de ser ativo, por isso nem pense em ficar todo o dia em pijama.

Defina um espaço de trabalho

Nem todas as casas permitem definir um cômodo inteiro como escritório, apesar de essa ser a situação ideal.

No entanto, é importante que defina um espaço de trabalho isolado e que esse espaço funcione apenas como tal.

Não é aconselhado partilhar a mesa de refeições com os seus materiais de trabalho, ou trabalhar no sofá enquanto tem o seu televisor ligado.

Até pode ser um canto do seu quarto onde coloca uma pequena secretária e o seu material de trabalho, mas que este seja um espaço dedicado apenas para as horas de trabalho e não se confunda com o espaço de lazer.

Não permaneça o dia inteiro sentado

vários estudos mostraram a importância da atividade física no dia-a-dia, mas também em como ela é benéfica no aumento da produtividade e redução da ansiedade.

Ainda que as recomendações possam ser para que permaneça em casa é importante promover períodos de atividade física que podem ser simplesmente levantar-se da cadeira e realizar alguns agachamentos até dedicar meia hora de atividade, assistindo, por exemplo, a vídeos que se encontram disponíveis online.

Aliado à prática de exercício físico é igualmente importante que invista numa alimentação saudável para que se sinta com energia suficiente para enfrentar um dia de trabalho.

Utilize estratégias para melhorar o seu raciocínio

Um dos problemas do home office é a falta de contacto social que ajuda a promover novos pontos de vista essenciais para quando necessita, por exemplo, de resolver um problema e precisa vê-lo sobre outra perspetiva.

Felizmente, a tecnologia evoluiu de tal forma que hoje em dia consegue ter acesso à sua equipe de trabalho sem sair de casa.

Quando necessitar de resolver um problema e não consegue ver outras perspetivas, peça ajuda. Marque uma reunião online e discuta com a sua equipe formas de resolver o problema.

Por outro lado, se for uma situação em que sente que precisa mudar o foco do seu cérebro, encontre estratégias que funcionam como fazer uma pausa, ou mais uma vez, aliar a tecnologia em seu favor.

Estudos mostram que determinados jogos de raciocínio ajudam a trabalhar áreas do cérebro importantes para aumentar a lógica e o foco.

Um dos jogos mais populares e que atua em áreas importantes do cérebro é o póquer, que pode ser jogado online através da tela do seu computador, ou através do seu smartphone.

Graças ao avanço da tecnologia, existem plataformas online dedicadas a este gênero de jogos e que permitem, inclusive jogar com pessoas de todo o mundo.

Este jogo permite trabalhar a sua capacidade de concentração, essencial no trabalho em home office.

Se deseja um jogo diferente, o xadrez, ou o sudoku, são também uma boa forma de exercitar o cérebro e os encontra também em plataformas online.

Faça pausas regulares

Muitos acabam por se esquecer da importância das pausas regulares para um trabalho produtivo.

A cada uma ou duas horas faça uma pausa curta que pode ser apenas de 5 minutos para se levantar da cadeira, beber água, espreguiçar-se e ajudar o seu cérebro a descansar.

Com estas dicas, o seu trabalho em casa vai ficar mais fácil.

Fonte Pexels

Os acontecimentos recentes colocaram o home office na ordem do dia e, sendo uma ótima forma de trabalho para muitas pessoas não deixam de ser também uma forma bastante exaustiva para o seu cérebro, principalmente se não souber como encaixar uma boa rotina de trabalho.

Trabalhar no mesmo local onde em que se chama lar pode causar uma confusão mental de conceitos e o cérebro acaba por não conseguir ligar o interruptor de produtividade nas horas de expediente precisamente por considerar que está em casa e deve descansar.

Além disso, se juntar ao trabalho todas as outras tarefas necessárias no dia-a-dia de uma casa, juntar mais elementos e, até um espaço de escritório que se confunde com a sala o resultado pode ser catastrófico.

O que poderá ser feito para melhorar a sua produtividade e raciocínio?

Existem de facto algumas estratégias que pode utilizar e se tem revelado úteis para aumentar a produtividade, mas também a capacidade de raciocínio, para quem trabalha em home office, mas não só.

Definir uma rotina

É importantíssimo que planeje uma rotina do seu dia de trabalho. Coloque em agenda tudo o que necessita fazer, as pausas ao longo do dia e o que é ou não prioritário.

Além disso, defina um horário de trabalho e, assim como, acontece com o trabalho fora de casa, arranje-se para trabalhar mesmo que acabe por ficar na sua sala. É essencial que dê ao seu cérebro o sinal de que está na hora de ser ativo, por isso nem pense em ficar todo o dia em pijama.

Defina um espaço de trabalho

Nem todas as casas permitem definir um cômodo inteiro como escritório, apesar de essa ser a situação ideal.

No entanto, é importante que defina um espaço de trabalho isolado e que esse espaço funcione apenas como tal.

Não é aconselhado partilhar a mesa de refeições com os seus materiais de trabalho, ou trabalhar no sofá enquanto tem o seu televisor ligado.

Até pode ser um canto do seu quarto onde coloca uma pequena secretária e o seu material de trabalho, mas que este seja um espaço dedicado apenas para as horas de trabalho e não se confunda com o espaço de lazer.

Não permaneça o dia inteiro sentado

vários estudos mostraram a importância da atividade física no dia-a-dia, mas também em como ela é benéfica no aumento da produtividade e redução da ansiedade.

Ainda que as recomendações possam ser para que permaneça em casa é importante promover períodos de atividade física que podem ser simplesmente levantar-se da cadeira e realizar alguns agachamentos até dedicar meia hora de atividade, assistindo, por exemplo, a vídeos que se encontram disponíveis online.

Aliado à prática de exercício físico é igualmente importante que invista numa alimentação saudável para que se sinta com energia suficiente para enfrentar um dia de trabalho.

Utilize estratégias para melhorar o seu raciocínio

Um dos problemas do home office é a falta de contacto social que ajuda a promover novos pontos de vista essenciais para quando necessita, por exemplo, de resolver um problema e precisa vê-lo sobre outra perspetiva.

Felizmente, a tecnologia evoluiu de tal forma que hoje em dia consegue ter acesso à sua equipe de trabalho sem sair de casa.

Quando necessitar de resolver um problema e não consegue ver outras perspetivas, peça ajuda. Marque uma reunião online e discuta com a sua equipe formas de resolver o problema.

Por outro lado, se for uma situação em que sente que precisa mudar o foco do seu cérebro, encontre estratégias que funcionam como fazer uma pausa, ou mais uma vez, aliar a tecnologia em seu favor.

Estudos mostram que determinados jogos de raciocínio ajudam a trabalhar áreas do cérebro importantes para aumentar a lógica e o foco.

Um dos jogos mais populares e que atua em áreas importantes do cérebro é o póquer, que pode ser jogado online através da tela do seu computador, ou através do seu smartphone.

Graças ao avanço da tecnologia, existem plataformas online dedicadas a este gênero de jogos e que permitem, inclusive jogar com pessoas de todo o mundo.

Este jogo permite trabalhar a sua capacidade de concentração, essencial no trabalho em home office.

Se deseja um jogo diferente, o xadrez, ou o sudoku, são também uma boa forma de exercitar o cérebro e os encontra também em plataformas online.

Faça pausas regulares

Muitos acabam por se esquecer da importância das pausas regulares para um trabalho produtivo.

A cada uma ou duas horas faça uma pausa curta que pode ser apenas de 5 minutos para se levantar da cadeira, beber água, espreguiçar-se e ajudar o seu cérebro a descansar.

Com estas dicas, o seu trabalho em casa vai ficar mais fácil.

Confira outras notícias: