Previous
Next

Guarda Municipal completa 21 anos com recorde de atendimentos em 2021

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Guarda Municipal de Uberaba completa, nesta terça-feira (10), 21 anos de atuação com cerca de 264.600 ocorrências atendidas nesse período, uma média de 12.600 ocorrências por ano. Em destaque estão os anos de 2020 e 2021, que superaram a média geral. Em 2020, foram 14.833 ocorrências atendidas, enquanto, em 2021, os números são ainda maiores, com 18.683 ocorrências atendidas até 10 de agosto de 2021.

Em celebração à data, uma cerimônia solene será realizada, na sexta-feira (13), para registrar e agradecer o trabalho realizado pela Guarda Municipal ao longo dos anos, com destaque para a atuação da instituição nas ações de fiscalização das medidas de enfrentamento à pandemia de Covid-19. A cerimônia será no Parque Netinho Guaritá – Mirante da Univerdecidade, às 18h.

Criada em 10 de agosto de 2000, a Guarda Municipal de Uberaba tem o objetivo de cuidar da segurança dos bens, instalações e serviços do Município, bem como para exercer o poder de polícia de trânsito no âmbito municipal. No decorrer de sua história, a Guarda conquistou lugar de destaque na segurança pública, atuando em conjunto com as forças de segurança da União e do Estado, exercendo o seu papel de polícia preventiva, se destacando principalmente nos patrulhamentos preventivos nas escolas, parques, praças, prédios públicos, logradouros públicos, bem como na Patrulha Preventiva Maria da Penha, Patrulha do Silêncio, Policiamento de Trânsito e combate ao tráfico de drogas.

Frentes de ação – Em 2020, com a recomposição do corpo da Guarda Municipal de Uberaba e a conquista do direito de trabalhar com arma de fogo, por meio de celebração de Acordo de Cooperação Técnica com a Polícia Federal, houve melhoria na prestação de serviços para a comunidade e de apoio às outras forças de segurança pública, segundo o comandante da GM, Marcelo Neves.

No mesmo ano, a Guarda se destacou na apreensão de drogas e captura de procurados da Justiça com mandado de prisão em aberto, se destacando como a GM de Minas mais atuante nas duas ocorrências elencadas. “Conseguimos aumentar nosso número de ocorrências atendidas e iniciamos também com a ronda Maria da Penha no ano passado, com uma equipe que trabalha diretamente nas políticas de proteção contra a violência doméstica com a Secretaria de Desenvolvimento Social e a Delegacia da Mulher”, relatou Neves.

Outra frente de ação destacada pelo comandante da Guarda é a fiscalização em relação à pandemia de Covid-19, em que a instituição atuou desde o início na fiscalização de cumprimento dos decretos vigentes e, com a chegada da vacina, a escolta e segurança dos imunizantes e dos pontos de vacinação.

Reestruturação – Paralelo a esse trabalho, a Guarda criou, em 2021, a Ronda Ostensiva Municipal de Uberaba (Romu), um serviço de patrulhamento mais tático. “Com o pessoal mais bem preparado, em treinamento constante em táticas de apoio aos demais guardas e aos outros órgãos de segurança pública do Município, para diminuir os índices de criminalidade da nossa cidade”, contou Neves.

Ainda conforme o comandante da Guarda, Marcelo Neves, a GM vive um momento de reestruturação, tanto com a criação do Grupamento Romu quanto com a elaboração do Estatuto da Guarda Municipal, que está em fase final de confecção e aprovação. A previsão é que seja implementado no início de 2022. Nele, a principal conquista é a criação do Plano de Hierarquia, Carreira, Cargos e Salários.

Outra novidade é a tramitação na Câmara Municipal de um projeto de lei que altera a Lei Orgânica Municipal para inserir a nossa Guarda Municipal como órgão permanente, nesse mesmo projeto de lei será alterado o nome da Guarda Municipal de Uberaba, que passará a ser denominada Guarda Civil Municipal de Uberaba.

Confira outras notícias: