Previous
Next

Idoso é preso com cinco armas após atirar contra adolescentes

Compartilhe este post

Foto: Divulgação
Armas foram apreendias na casa do suspeito pelo Gepar

Um homem acusado de disparos de arma de fogo foi capturado pela Polícia Militar após atirar contra a adolescentes em Uberaba. Cinco armas, além de munições foram apreendidas na casa do suspeito.
Segundo informações apuradas pela Folha Uberaba, a prisão aconteceu na tarde de ontem (18) na rua Tupis no Jardim Santa Clara, onde policiais militares da viatura do Grupo Especializado em Policiamento em Área de Risco (Gepar) compareceram após denúncias anônimas sobre disparos de arma de fogo que tinha acontecido em uma residência. No local as equipes conversaram com uma testemunha que ouviu os barulhos dos disparos e também com adolescente de 15 anos vítima. O jovem relatou que estava com alguns amigos na região e entraram nos fundos de um lote para colher mangas de um pé existente no local para consumo próprio, mas em determinado momento, eles foram abordados pelo morador que questionou os jovens sobre o que eles estavam fazendo dentro de sua propriedade. O acusado ainda ordenou que as vítimas saíssem do local rapidamente, porém o menor pediu para que ele deixasse eles levaram os frutos que já tinham sido colhidos, sendo o fato negado pelo morador que ainda disse, “podem vazar daqui, essas mangas são minhas”.
Ainda segundo a vítima em seguida o homem sacou um revólver apontou para eles e atirou três vezes em direção as vítimas que saíram correndo com medo de serem atingidas pelos disparos.
Nesse momento os policiais foram até a casa do acusado juntamente com a testemunha e a vítima e se depararam com o envolvido saindo da residência em um veículo particular. Ele foi abordado, identificado como um idoso de 72 anos e ao ser questionado sobre os fatos, negou ter realizado os disparos de arma de fogo no local. Ele ainda relatou somente ter visto alguns indivíduos correndo nos fundos do lote.
Os policiais militares entraram na residência para fazerem buscas e encontraram em cima do sofá próximo à porta um revólver calibre 32 carregado com munições e um coldre de couro de cor marrom. Ainda em continuidade as equipes encontraram na sala uma espingarda tipo polveira e embaixo do colchão do quarto que o acusado dormia, mais dois revólveres calibre 38, além de várias munições. Ao ser questionado sobre a documentação do armamento, o abordado apresentou somente o documento de um revólver calibre 38 que estava irregular. O idoso acusado de disparos e porte ilegal de arma de fogo foi preso em flagrante levado até a delegacia de Polícia Civil e apresentado á autoridade policial de plantão para esclarecimentos.

Confira outras notícias: