Município recebe selo de participante do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Município de Uberaba recebeu o selo de participante do Programa Nacional de Prevenção à Corrupção (PNPC), iniciativa patrocinada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) e Controladoria-Geral da União (CGU) com o objetivo de reduzir os níveis de fraude e corrupção nas organizações públicas.

Para aderir ao programa, o Governo Municipal, por meio da Controladoria-Geral, realizou uma autoavaliação para descobrir previamente os pontos mais vulneráveis a falhas, por meio do sistema de autosserviço em auditoria e-Prevenção. Com isso, o Município terá acesso a um plano de ação com sugestões e propostas adequadas às necessidades, em novembro.

O programa oferece ainda orientações, treinamentos e modelos, e dispõe de parcerias com órgãos e entidades públicas e privadas para implantação dos mecanismos de controle à corrupção.

“Não podemos ignorar que toda instituição está suscetível à fraude e à corrupção. Por isso, é nosso dever investir em ações que diminuam essas fragilidades e nos alinharmos às boas práticas de integridade pública”, enfatizou a controladora-geral do Município, Poliana Helena de Souza.

O PNPC é uma proposta adotada pela Estratégia Nacional de Combate à Corrupção e à Lavagem de Dinheiro (Enccla), com coordenação e execução da Rede de Controle nos Estados, patrocinada pela CGU e TCU. Conta com o apoio da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon), Conselho Nacional dos Presidentes dos Tribunais de Contas (CNPTC), Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (Abracom), Conselho Nacional de Controle Interno (Conaci) e Confederação Nacional dos Municípios (CNM).

Confira outras notícias: