Previous
Next
Previous
Next

Prefeitura conclui projeto da sede do Samu Regional Triângulo Sul e Amvale

Compartilhe este post

O Governo Municipal, por meio das Secretarias de Saúde e Planejamento, em parceria com Associação dos Municípios da Microrregião do Vale do Rio Grande (Amvale), concluiu o projeto arquitetônico da estrutura do Samu Regional. Na manhã desta segunda-feira (30), houve a apresentação da proposta para a prefeita Elisa Araújo, que reuniu os envolvidos para a análise e detalhamento.

A unidade regional do Samu é estruturada no âmbito do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência e Emergência da Macrorregião do Triângulo Sul (Cistrisul), que existe desde 2014, envolvendo os 27 municípios pertencentes à Macrorregião Triângulo Sul do SUS, atendendo às demandas de saúde que beneficiam cerca de 700 mil habitantes. Desde 2016, a implantação do Samu Regional Triângulo Sul é debatida.

De acordo com a prefeita Elisa Araújo, “o Cistrisul foi criado para que existisse esta estrutura e, finalmente, conseguimos fazer esta entrega do projeto pronto, elaborado pela Secretaria de Planejamento. Agora entramos no processo de finalização do projeto para abrir a licitação, com expectativa de que isso ocorra em junho, para início da obra em outubro, no mais tardar”.

A secretária executiva da Amvale, Vanessa Silva Faria, informou tratar-se de um sonho de muitos anos na associação, que tem buscado recursos para construir sua sede própria, proporcionando economicidade à gestão da entidade. “A prefeita viabilizou esse recurso, então estamos conseguindo implementar o Samu regional e aproveitamos esse mesmo espaço para acomodarmos a Amvale e todos os consórcios regionais na mesma estrutura física”, afirmou.

Os secretários de Saúde, Sétimo Bóscolo, e de Planejamento, Isabella Soares do Nascimento, além do chefe de Gabinete, Caio Presotto, participaram da apresentação do projeto, que é de autoria do arquiteto Paulo Barbosa (Seplan).

“A construção da sede do Samu Regional é uma das prioridades do Governo e, neste mesmo espaço, teremos toda a estrutura da unidade, incluindo a parte administrativa, departamentos jurídico e de recursos humanos, além de espaço para o treinamento do pessoal técnico operacional do Serviço, em área de 1.945 metros quadrados, com dois pavimentos, próximo da UPA do Mirante”, informou o secretário Sétimo Bóscolo.

Os gestores do Governo Municipal e da Amvale optaram pelo espaço conjunto tendo em vista a oportunidade de dividir, numa só estrutura, espaços de uso comum como, por exemplo, o anfiteatro onde se pretende desenvolver a capacitação dos servidores dos municípios associados. “Nosso grande foco é capacitar os servidores para que os municípios tenham independência e consigam deslanchar com seus projetos. O retorno é sempre positivo para a população, por meio da melhoria dos serviços públicos”, completou Vanessa.

Confira outras notícias: