Uberaba avança e melhora indicadores de desempenho do programa Previne Brasil

Compartilhe este post

Dados divulgados do programa Previne Brasil apontam avanços na saúde de Uberaba com melhora dos indicadores em assistência básica. De acordo com dados do Sistema de Informação em Saúde Básica do Ministério da Saúde, os índices do Município num comparativo de janeiro a abril de 2022, com igual período de 2023, apontam progresso nas estratégias adotadas no atendimento à saúde pública.

O Previne Brasil é um programa federal que avalia, a cada quatro meses, alguns serviços desenvolvidos pelas unidades de saúde da Atenção Básica, para fazer o repasse do incentivo financeiro aos municípios. O programa monitora sete indicadores de saúde, entre eles, as consultas de pré-natal, atendimento odontológico na gestação, realização de exames para sífilis e HIV em gestantes, cobertura de exames citopatológicos, vacinação, acompanhamento de pessoas hipertensas e solicitação de hemoglobina glicada para pessoas com diabetes.

Em Uberaba, os recursos para assistência à saúde primária passaram de 45,15% no primeiro quadrimestre de 2022 para 51,62%, em 2023.

“Cada dia na saúde é muito importante e vamos continuar trabalhando para atender, cada vez mais, as necessidades da população. O resultado aponta que tivemos avanços, que nossa equipe está trabalhando muito, e que podemos fazer mais pela nossa gente, tanto nos serviços em saúde quanto na busca de recursos para que isso aconteça”, apontou a secretária de Saúde, Valdilene Rocha.

O município de Uberaba avançou no indicador de Proporção de gestantes com pelo menos 6 (seis) consultas pré-natal realizadas, sendo a 1ª (primeira) até a 12ª (décima segunda) semana de gestação, saindo de 6% no primeiro quadrimestre de 2022 para 25%, no mesmo período avaliado em 2023.

Quando o assunto é a Proporção de crianças de 1 (um) ano de idade vacinadas na Atenção Primária contra Difteria, Tétano, Coqueluche, Hepatite B, infecções causadas por haemophilus influenza tipo b e Poliomielite inativada, Uberaba apresentou índices de 43% em 2022 e crescimento para 53%, em 2023.

Na Proporção de gestantes com realização de exames para sífilis e HIV, os indicadores vão de 1% em 2022 para 45%, em 2023.

No indicador Consultas Odontológicas em Gestantes, o município avançou de 13% para 42%. Já em relação às Consultas a Pacientes Hipertensos e Diabéticos, com aferição de pressão arterial e solicitação de exames, o crescimento foi, respectivamente, de 2% para 19% e de 6% para 14%.

Confira outras notícias: