Previous
Next
Previous
Next

Como funciona a recuperação de crédito para empresas?

Compartilhe este post

A inadimplência é uma realidade para 70,71 milhões de brasileiros que possuem restrição no nome, de acordo com o “Mapa da Inadimplência e Negociação de Dívidas no Brasil”, da Serasa Experian, que reúne dados de março de 2023.

“Se, por um lado, a recuperação de crédito é um elemento preocupante para as pessoas físicas, para as pessoas jurídicas não é diferente”, observa Allan Jorge, Co-Founder da CBRdoc (Central Brasileira de Documentos) – plataforma de solicitação, gestão e análise de documentos.

Com efeito, a soma de negócios em dificuldades financeiras que se encaminharam para a falência aumentou 80% no Brasil entre janeiro de 2021 e janeiro deste ano, ainda de acordo com a Serasa

Apesar disso, em média, nove a cada dez (92%) empreendedores do país estão confiantes (42%) ou muito confiantes (50%) que o faturamento de seus negócios irá crescer em 2023, segundo a pesquisa Global de Empreendedorismo, realizada pela GoDaddy com pequenas empresas de oito países: Alemanha, Austrália, Canadá, Estados Unidos, Índia, México e Reino Unido, além do Brasil.

O nível de otimismo dos brasileiros (92%) é superior ao de empreendedores de nações com maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), como o Reino Unido (74%). 

O que é recuperação de crédito?

Segundo Jorge, é comum que haja dúvidas com relação ao serviço de recuperação de crédito e suas principais especificidades. Ele explica que a compra de dívidas ocorre quando uma empresa especializada adquire os créditos inadimplentes do outro negócio, geralmente por um valor menor que o total da dívida.

“A empresa especializada assume o risco da cobrança e trabalha para recuperar o máximo possível do valor devido”, afirma.

O empresário destaca que a cobrança diz respeito ao processo de solicitação de pagamento de uma dívida, enquanto a recuperação de crédito, por sua vez, envolve ações para reaver o valor inadimplente, incluindo negociações, acordos e, em alguns casos, a venda da dívida para empresas especializadas.

Cobrança versus recuperação de crédito: qual a diferença?

Segundo o Co-Founder da CBRdoc, é comum que haja dúvidas com relação à diferença entre cobrança e recuperação de crédito. Ele explica que as empresas especializadas em recuperação de crédito atuam como intermediárias entre credores e devedores, buscando solucionar a inadimplência através de estratégias como renegociação, parcelamento e descontos.

“As empresas especializadas geralmente possuem expertise em negociações e uso de ferramentas tecnológicas para otimizar o processo”, afirma.

Para ele, é importante destacar que a recuperação de crédito deve ser realizada seguindo a legislação vigente e respeitando os direitos do consumidor. “Além disso, a contratação de uma empresa especializada pode trazer benefícios como a redução de custos operacionais e maior foco na atividade-fim do negócio”, conclui Jorge.

Para mais informações, basta acessar: https://cbrdoc.com.br/

Confira outras notícias: