Alimentação segura na volta às aulas presenciais é tema de capacitação para servidores da Educação

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Servidores das unidades de ensino da rede municipal serão capacitados com objetivo de que o lanche dos alunos seja servido e consumido com segurança. A capacitação será promovida pela Secretaria de Educação de Uberaba (Semed), por meio da Seção de Alimentação Escolar, da Diretoria de Logística.

A medida é mais uma das ações em curso realizadas pela Semed, com objetivo de estruturar escolas e Cemeis para a volta das atividades pedagógicas presenciais nas unidades da rede municipal. Conforme planejamento da Educação, a primeira fase de retomada das aulas será implantada dia 4 de agosto, para as turmas do pré-II, 5º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA) – 2º segmento.

A capacitação, no modelo remoto, está programada para esta sexta-feira, 23 de julho, pela plataforma Google meet.

Os servidores serão divididos em duas turmas, uma pela manhã, a partir das 8h, e outra à tarde, às 13h30, informou a chefe da Seção de Alimentação Escolar, nutricionista Camila Cristina da Silva, que fará a capacitação da turma matutina. A também nutricionista Aline Pollyane Magalhães Prata Roel capacita os servidores no período da tarde.

De acordo com Camila, as orientações sobre os procedimentos a serem adotados na hora das refeições, nas unidades de ensino municipais, seguem cartilha produzida pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). A capacitação tem como público-alvo os gestores, pedagogos, monitores, servidores-gerais, inspetores de alunos, entre outros.

No rol das orientações, Camila citou que as refeições devem ser feitas, preferencialmente, nas salas de aula. Mesas e cadeiras, entre outras superfícies, devem ser higienizadas antes e após a alimentação, enquanto servidores deverão permanecer de máscara durante o período que os alunos lancharem.

Estes, por sua vez, somente poderão retirar a máscara quando estiverem em frente ao alimento.

Conforme Camila, as orientações também englobam a higienização das mãos antes e depois das refeições, o distanciamento social no ambiente onde a alimentação é servida, e o não compartilhamento dos utensílios, entre outras.

Ainda de acordo com ela, os alimentos serão produzidos dentro dos padrões nutricionais e de higiene para que o aluno receba uma refeição de qualidade. Nesse sentido, a chefe da Seção de Alimentação Escolar da Semed sugere aos pais que não enviem, de casa, o lanche dos filhos, pois na escola eles receberão alimentação segura, saborosa e nutritiva.

Camila finalizou informando que as equipes das unidades das Organizações da Sociedade Civil (OSCs) parceiras da Semed já receberam capacitação, enquanto a Nutriplus irá capacitar as merendeiras.

“Estamos atentos a todos os detalhes para esse retorno presencial, de forma que ele ocorra de maneira segura”, afirmou a secretária de Educação, professora Sidnéia Zafalon. Ela também fará o curso, nesta sexta-feira.

Confira outras notícias: