Previous
Next

Após ser socorrida por agressão, mulher acaba presa por importunação sexual contra crianças

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Após ser socorrida pela polícia quando corria ensanguentada pela rua, uma mulher de 32 anos, acabou presa, acusada de importunação sexual contra duas crianças.

Segundo as informações repassadas à Folha Uberaba, guarnição da PM em ronda pelo Parque São Geraldo, foi abordada na rua Vicente Pedro A Hercos, por uma mulher ensanguentada.

A mulher contou à polícia que, foi agredida por um casal após se recusar a manter relação sexual com os dois.

Ela disse que, aluga um quarto no motel de propriedade do homem de 47 anos, e nesta terça-feira, 24, ela estava em seu quarto quando, a esposa do autor, de 35 anos, a convidou para manter relações sexuais com os dois, ela disse que se recusou, mas permaneceu ingerindo bebidas alcoólicas com o casal.

Segundo ela, em dado momento, a autora pediu que ela pegasse uma caixa de som no quarto dos filhos e, quando ela estava saindo do quarto, foi surpreendida pela autora que começou a agredi-la, inclusive usando um copo quebrado para provocar um corte em seu braço e em seguida o esposo também passou a atacá-la com socos e chutes.

A guarnição deslocou para o endereço do casal e ao perceber a presença policial, o autor tentou evadir pulando muros, porém acabou localizado no quarto de uma vizinha e preso.

O casal declarou ter agredido a mulher pelo fato dela ter importunado sexualmente seus filhos menores de idade.

Segundo ela, vinha observando o comportamento da mulher em relação às crianças já há alguns dias e, nesta data, ao chegar à porta do quarto dos filhos, deparou com sua filha dormindo com as mãos amarradas e ela passando a mão nos pés da criança, isso fez com que perdesse a cabeça e passasse a agressão.

O menino, de 11 anos, declarou que em outra ocasião a acusada passou a não em suas pernas e em seu órgão genital.

A menina disse que tem o sono pesado e só se lembra de ter acordado com as mãos amarradas e ver a mãe agredindo a acusada.

Na casa, os militares encontraram um pino de cocaína, a ROCCA foi acionada e o semovente War, localizou mais drogas.

O casal foi preso por agressão e posse de drogas e a autora por importunação sexual, as três crianças foram entregues ao Conselho Tutelar.

Confira outras notícias: