Codau inicia obra de drenagem no bairro Frei Eugênio

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pacaembu, Anatê, Parque das Américas e Marajó também receberam melhorias

Os temporais registrados no final e setembro e começo de outubro causaram impactos para a cidade e um deles foi no conjunto Frei Eugênio. A forte enxurrada na Av. Dr. Hélio Luís da Costa evidenciou deficiências de drenagem pluvial nas proximidades desta via. A Companhia Operacional de Desenvolvimento, Saneamento e Ações Urbanas a partir dos últimos dias começou uma obra para adequar o sistema de captação pluvial, que irá melhorar as condições de saneamento da região.

A drenagem pluvial está sendo implantada na rua Hermínia Cartafina Guimarães, na confluência com a Av. Dr. Hélio Luís da Costa. Lá, serão executados 150 metros de rede, no diâmetro de 600 mm, construídas 14 novas bocas de lobo (BL) duplas, e readequadas outras quatro BL existentes. Estas intervenções aumentarão a captação de chuva e oferecerão uma maior vazão para as enxurradas.

“A previsão é de que em 20 dias as melhorias estejam concluídas. A recomposição das vias também será executada pela Codau. A obra está bem sinalizada, mas os motoristas devem ficar atentos aos desvios do trânsito nas proximidades”, explicou o diretor de saneamento, Paulo José Stival Coelho.

Mais obras – Nas últimas semanas a Codau também entregou melhorais de drenagem pluvial em outros pontos da cidade. Na Av. João XXIII, foi a implantação de um ramal pluvial de 12 m e de uma boca de lobo dupla, no trecho entre as ruas Mozart Morais Miranda e a Ismael Alonso Y Alonso, no bairro Parque das Américas. A recomposição da via será entregue nesta sexta-feira (15).

No Jardim Anatê II, também foi realizada a recuperação da rede de drenagem pluvial na rua Elvira Silveira Cicci, danificada por um incêndio e pela forte chuva do começo de outubro, que acabou destruindo um trecho da tubulação de 800mm. A substituição foi por uma extensão de 60 metros. A recomposição asfáltica da travessia está em andamento.

No Jardim Marajó I, foi executada nova rede pluvial nas ruas Roberto Inácio Dias e Romilda Sabino de Freitas, em um trecho de 26 metros. Além disso, foi executada uma boca de lobo dupla, interligada a outras duas existentes.

Já no Pacaembu, na rua Augusta Barbosa, uma nova rede pluvial está implantada em um trecho de 40 metros, com tubulação variando entre 400 e 600mm de diâmetro. Seis bocas de lobo duplas foram instaladas para absorver a enxurrada e eliminar os alagamentos, bem como a conclusão da recuperação asfáltica. Neste trecho, há vários anos havia um represamento de água, que gerava inundações constantes no período chuvoso.

Benefícios- “Parte do controle das enchentes é uma vertente do saneamento ambiental que a Companhia está se responsabilizando. Todas essas intervenções possibilitam o bom funcionamento da cidade, principalmente em períodos com grandes quantidades de chuvas, minimizando, portanto, os problemas gerados pelas tempestades. O Governo Municipal, por meio da Codau está contribuindo com uma parcela para entregar essas soluções urbanas para Uberaba”, ressaltou o presidente da Codau, José Waldir de Sousa Filho.

A programação dessas obras integram o planejamento anual da Codau para reduzir os passivos, do componente de drenagem urbana, que aguardam soluções há vários anos. A drenagem na Av. Dr. Hélio Luiz da Costa teve ainda solicitação do vereador Ismar Vicente dos Santos (Marão), presidente da Câmara de Uberaba.

Confira outras notícias: