Previous
Next

Defesa Social e Educação abrem projeto “Volta às Aulas: Paz no Trânsito”

Compartilhe este post

A Prefeitura de Uberaba, por meio das Secretarias de Defesa Social (SDS) e de Educação (Semed), dá início ao projeto ” Volta às Aulas: Paz no Trânsito” com palestra de abertura marcada para esta sexta-feira (2), no anfiteatro do Centro Administrativo, a partir das 18h30.

A palestra tem como público-alvo operadores do transporte escolar, diretores escolares e inspetores de transporte escolar. O objetivo é abordar de maneira positiva e integrativa toda a comunidade escolar sobre as mudanças de hábitos necessárias para promover um trânsito mais seguro nas ruas e dentro do transporte escolar.

Ao longo do mês de fevereiro, também serão realizadas diversas ações nas portas das escolas públicas e particulares para reforçar comportamentos positivos no trânsito. Temas como o uso adequado da cadeirinha conforme a idade da criança, a importância do cinto de segurança, respeito à sinalização, não avançar o semáforo vermelho e evitar estacionar em fila dupla serão abordados.

As primeiras escolas a receber essas atividades, a partir de segunda-feira (5), serão a Escola Municipal Uberaba, Escola Municipal Frei Eugênio e Colégio Nossa Senhora das Dores.

A chefe da Seção de Educação no Trânsito, vinculada à SDS, Naiara Moreira Ponciano, destacou a importância da participação ativa de todos. “A interação de pais e responsáveis, alunos, motoristas de vans, diretores, entre outros, sobre esses temas é de grande relevância para minimizar os riscos de incidentes e contribuir para a construção de um trânsito mais seguro para todos. Cada um deve fazer a sua parte”, destacou.

Para o secretário de Educação, Celso Neto, a campanha Volta às Aulas: Paz no Trânsito tem a missão de orientar também as crianças para que elas se tornem multiplicadoras de boas práticas. “É importante iniciarmos a educação no trânsito já na infância para uma melhor absorção na aprendizagem. Os alunos vão auxiliar no estímulo para que todos tenham atitudes corretas no trânsito e compreendam que as escolhas são individuais, mas que a responsabilidade é de todos”, disse.

Confira outras notícias: