Previous
Next
Previous
Next

Departamento de Zoonoses realiza terceiro LIRAa

Compartilhe este post

O Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias realiza nesta semana o terceiro Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa) deste ano em Uberaba. O trabalho vai percorrer todos os bairros da cidade, de segunda (4) a sexta-feira (8), podendo se estender até o sábado (9).

Para se chegar ao levantamento é feita coleta de amostragem de larvas do mosquito. Com isso é identificado o grau de infestação, chamado de índice vetorial do Aedes, transmissor da dengue, chikungunya e zika. A programação é coordenada pela Saúde Estadual.

Pelo LIRAa é que se definem quais os bairros mais necessitados do Mutirão e de outras ações pontuais da Zoonoses. O Mutirão de Limpeza já recolheu 41,2 toneladas de lixo com as ações em 2022.

O Levantamento de Índice Rápido de Infestação do Aedes aegypti (LIRAa), realizado entre 2 e 6 de maio, ficou em 3,0%. Em janeiro de 2022, o índice ficou em 7,70%.

Quanto ao motofog, esta ação continua ao longo da semana percorrendo, das 5h às 7h, os bairros Oneida Mendes, Manoel Mendes e Jardim Uberaba. No período das 17h às 22h serão visitados o Parque das Américas, Bairro de Lourdes e Parque São José, informa o Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias.

ALERTA. O Governo Municipal, por meio do Departamento de Controle de Zoonoses e Endemias da Secretaria de Saúde, alerta que nenhum funcionário do setor cobra pelo trabalho no combate ao Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.

Recentemente, segundo relato de morador de um dos bairros visitados pelos agentes de endemias, um desconhecido teria cobrado o envio de valor, via PIX, para supostamente evitar cobrança de multa (situação igualmente descabida) pela presença de larvas do mosquito transmissor das doenças, na piscina da casa.

Diante do relado de tentativa de golpe, passando-se por agente de endemias, o Governo Municipal reforça o alerta: ao menor sinal de dúvida, o morador deve entrar em contato com o Departamento de Zoonoses pelo telefone 3315-4173.

Confira outras notícias: