Fórum de Bem-Estar Animal reúne autoridades, protetoras e estudantes

Compartilhe este post

Começou nesta terça-feira (11), o Fórum de Bem-Estar Animal: Construindo Uma Só Saúde em Uberaba, em abordagem integrada que reconhece a conexão entre a saúde humana, animal, vegetal e ambiental. O Fórum é uma parceria da Prefeitura de Uberaba, por meio Secretaria de Meio Ambiente/Superintendência de Bem-Estar Animal, do Ministério Público de Minas Gerais e Universidade de Uberaba (Uniube). O encontro acontece no Campus Aeroporto.

A prefeita Elisa Araújo participou da abertura e destacou o pioneirismo desse evento nos contextos municipal e estadual, tendo em vista ser o primeiro do gênero a ser realizado. “É uma satisfação sediar esse evento modelo para o Estado que fala de políticas públicas e boas práticas e informações sobre a saúde e o bem-estar animal”, disse.

Segundo ela, essa pauta está dentro do compromisso com a população desde sempre. “Demos saltos significativos na causa animal, como a parceria pioneira com o Hospital Veterinário que nos garantiu o reconhecimento e premiações por parte do Ministério Público, além dos sete mutirões de castração que atenderam mais de 8.400 animais”, disse.

A superintendente de Educação Ambiental e Fauna Doméstica da Secretaria do Meio Ambiente do Estado, Patrícia Carvalho da Silva, representará o subsecretário da Gestão Ambiental, Diogo Franco. Ela será palestrante, nesta quarta-feira (12), com o tema “Estratégias Inovadoras para o Manejo Populacional de Animais Urbanos”. Vai falar, principalmente, sobre as atuações realizadas pelo Estado de apoio aos municípios, maus-tratos e a necessidade de identificação, bem como o que a legislação aborda sobre as políticas públicas de forma doméstica.

Diversas protetoras e estudantes estiveram presentes no Fórum neste primeiro dia e uma das palestras mais aguardadas foi a da promotora Monique Mosca Gonçalves, que já atuou em Uberaba, sobre “Legislação Animal: Direitos, Deveres e Atualizações”. Ela destacou a atualidade do tema. “É uma questão de ordem moral cada vez mais relevante tanto do ponto de vista dos atores políticos como jurídico”, complementou.

O titular da 1ª Promotoria de Justiça de Uberaba, Curadoria de Defesa do Meio Ambiente, Renato Teixeira Rezende, falou sobre a “Cadeia de custódia em crimes ambientais contra a fauna”. Ele enfatizou que a Prefeitura abraçou a causa e criou os órgãos específicos como a Superintendência de Bem-Estar Animal, da Secretaria do Meio Ambiente, buscando o aperfeiçoamento, multiplicando as experiências do que pode ser melhorado. “Quem sabe os municípios próximos possam no futuro replicar eventos dessa natureza e trazer esse tema à pauta do dia”, concluiu.

Ao todo são sete palestras com representantes do MPMG, professores e pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e do Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais (CRMV).

Confira outras notícias: