Previous
Next
Previous
Next

IV Conferência Municipal de Educação será em dezembro

Compartilhe este post

A IV Conferência Municipal de Educação, nos dias 8 e 9 de dezembro, terá como tema central “Planos de Educação – Inclusão, Equidade e Qualidade Social: compromisso com o direito e a defesa da Educação democrática, gratuita, inclusiva, laica, popular, pública e presencial com segurança para todas as pessoas”.

O evento é promovido pelo Governo Municipal, por meio da Secretaria de Educação (Semed), Conselho Municipal de Educação e Comissão de Monitoramento e Avaliação do Plano Decenal Municipal de Educação (PDME 2015-2024).

A abertura está programada para o dia 8, quarta-feira, a partir das 18h30, com a participação da titular da Semed, Sidnéia Zafalon, e dos palestrantes Analise da Silva e José Natal de Amorim, ambos professores – ela é coordenadora e ele membro do Fórum Estadual Permanente de Educação de Minas Gerais (Fepemg).

Presidente do Conselho Municipal de Educação, a professora Kátia Cilene da Costa será mediadora do evento de abertura da Conferência, que terá transmissão ao vivo pelo canal da Casa do Educador Professora Dedê Prais no YouTube.

Segundo Kátia, a IV Conferência Municipal de Educação é a instância de mobilização e de proposição para políticas públicas educacionais, sendo um importante espaço para o debate e consolidação da gestão democrática.

É por meio desta reunião que são avaliados os documentos base elaborados pelo Fepemg, acrescidos das contribuições extraídas da conferência local, visando à implantação de políticas públicas educacionais que garantam uma educação com qualidade social, democrática, gratuita, inclusiva, laica, popular, pública e presencial.

Por meio do tema central da conferência, serão discutidos sete eixos temáticos: Democratização da Educação – acesso, permanência, construção de conhecimento e terminalidade; Educação e diversidade – reconhecimento, democratização, direitos humanos, justiça social, equidade e inclusão; Financiamento da Educação – gestão, transparência e controle social; Gestão democrática – participação popular e controle social; Políticas intersetoriais de desenvolvimento e Educação – cultura, ciência, trabalho, meio ambiente, saúde, tecnologia e inovação; Qualidade social, avaliação e regulação das políticas educacionais, e Valorização dos profissionais da Educação – formação, carreira, remuneração e condições de trabalho e saúde.

Segundo Kátia Cilene, os eixos serão debatidos no dia 9, a partir das 18h, presencialmente, na Escola Municipal Uberaba. Participam da conferência, os segmentos educacionais, setores sociais, entidades, profissionais e demais interessados em contribuir para a melhoria da Educação.

Confira outras notícias:

Geral

Linha 10 terá itinerário alterado

A Superintendência de Transporte Público, ligada à Secretaria de Defesa Social, informa que a linha 10 – São Cristóvão/Facthus terá