Rede municipal tem novo crescimento no número de alunos em sala de aula

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Novo levantamento feito pela Secretaria de Educação de Uberaba (Semed) reforça tendência de crescimento no número de alunos presencialmente nas unidades escolares da rede municipal de ensino, que atualmente tem 27.466 matriculados nas 75 escolas e Cemeis.

Conforme apurado na semana de 18 a 22 de outubro, 36,5% dos alunos de 1° ao 9º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA) estiveram presencialmente em sala de aula. Em média, 4.956 estudantes foram à escola, por dia, no período do levantamento feito pela Semed – à exceção de uma unidade que não enviou seu balanço.

Números anteriormente apurados apontaram que no período de 4 a 8 de outubro, o índice foi de 24,26% de presença nas turmas de 1° ao 9° e EJA.

Em relação ao Maternal III, a média diária foi de 660 alunos, perfazendo 34% de presença em sala de aula. No período anteriormente levantado, o índice chegou a 32,8%. As turmas de Pré-I e Pré-II registraram 37% de participação presencial, cada uma, na semana de referência, entre os dias 18 e 22 de outubro.

A média diária nas salas de Pré-I foi de 904 alunos presenciais, enquanto no Pré-II, de 996. Nesse último caso, o índice ficou um pouco abaixo do levantamento anterior, que chegou a 39,6%.

Mas a queda se justifica pelo fechamento, por dois dias, de um dos Cemeis da rede, como medida de biossegurança em razão de casos de Covid-19 na unidade, no período analisado.

“Esse novo levantamento só reforça o que já é sentido em sala de aula, ou seja, o crescimento no número de alunos presencialmente”, avaliou a secretária de Educação, Sidnéia Zafalon. Adjunta da Pasta, Cristiana Borges completa que os pais estão se sentindo seguros e confiantes na rede e enviando seus filhos para as escolas e Cemeis.

Sidnéia, reforçou, contudo, que apesar do crescente número de alunos presenciais, a Semed manterá o modelo híbrido até o encerramento do ano letivo. Além disso, ela reiterou que as turmas de alunos de zero a dois anos seguirão no modelo remoto até o final de 2021.

Confira outras notícias: