Previous
Next

Dia D das Hepatites Virais registra mais de 50 testes

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A ação realizada pelo Governo Municipal, nesta quarta-feira (28), finalizou com um saldo positivo de 57 testes de sorologias de hepatites B, C, HIV e sífilis. Conforme repassado à Folha Uberaba, o Dia D de Combate às Hepatites Virais, que aconteceu na Funel, detectou duas pessoas positivas para sífilis e apontou todos os testes negativos para as hepatites.

O Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) e o Departamento de Epidemiologia da Secretaria de Saúde realizaram a testagem, das 12h às 16h, de forma rápida, segura e gratuita.

A chefe do Departamento de Epidemiologia, Larissa Bandeira de Mello Barbosa, reforçou a importância do evento, visto que a sífilis é uma doença sexualmente transmissível grave que, quando é devidamente tratada, tem grandes de chances de cura.

A equipe do CTA realizou todo o acolhimento das pessoas que testaram positivo e repassou todas as orientações para início do tratamento. Vale reforçar que o Centro de Testagem e Aconselhamento possui uma equipe multidisciplinar, composta por médicos, enfermeiros e psicólogos que atuam no acompanhamento dos casos positivos, que buscam o atendimento do CTA.

A cura da sífilis pode ser alcançada em apenas 1 ou 2 semanas de tratamento, mas quando ela não é tratada ou não é tratada corretamente, pode perdurar por anos. A sífilis desenvolve-se em estágios, e os sintomas variam conforme cada estágio. A primeira etapa envolve uma ferida indolor na genitália, no reto ou na boca. Após a cura da ferida inicial, a segunda fase é caracterizada por uma irritação na pele. Depois, não há sintomas até a fase final, que pode ocorrer anos mais tarde. Essa fase final pode resultar em danos ao cérebro, nervos, olhos ou coração.

Confira outras notícias: