Em viagem oficial, prefeita Elisa reúne-se com lideranças políticas

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Em Dubai, nos Emirados Árabes, a prefeita de Uberaba, Elisa Araújo, esteve com as lideranças políticas do Brasil e falou sobre o desenvolvimento da cidade. Compondo a comitiva do Governo de Minas Gerais, a líder do Executivo tratou sobre demandas como turismo, agronegócio, gasoduto e economia.

Ao lado do governador de Minas Gerais, Romeu Zema, Elisa cumpre a agenda com compromissos oficiais até o dia 20 de novembro (sábado), quando retorna a Uberaba.

Além do encontro com o presidente da República, Jair Bolsonaro, durante o jantar oferecido para a delegação mineira, a prefeita conversou com a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, sobre o desenvolvimento do agronegócio e também sobre as perspectivas do 5G Agro para a região do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba.

Com o ministro do Turismo, Gilson Machado, a prefeita dialogou sobre projetos como a preparação do receptivo turístico e também a estruturação da Casa do Turista, em Uberaba. “O ministro se mostrou muito engajado no nosso projeto, gosta muito de Uberaba e com certeza vai nos ajudar a avançar na estruturação do nosso turismo que é objetivo do nosso governo”, revelou.

A prefeita também reuniu-se com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para alinhar sobre o Fórum Regional de Infraestrutura, que deve ser realizado em Uberaba no início de dezembro. Elisa revelou que durante o encontro, ela e o ministro conversaram também sobre os desafios da BR-262 e também sobre o anel viário.

A prefeita ainda esteve ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, e do ministro de Estado Chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, general Heleno.

Com o presidente da Companhia de Gás de Minas Gerais (Gasmig), Pedro Magalhães, Elisa falou sobre as perspectivas do gás e da possibilidade da implantação do gasoduto em Uberaba.

A viagem reúne também os secretários do Estado de Minas Gerais e lideranças das federações como o presidente da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), Flávio Roscoe e o presidente da Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais (Siamig), Mário Campos.

Confira outras notícias: