Previous
Next

Força-tarefa contra a dengue visitou mais de 1.800 imóveis no fim de semana

Compartilhe este post

A prefeita Elisa Araújo, acompanhada de sua equipe técnica, apresentou, durante reunião com a imprensa, o cronograma da força-tarefa de combate à dengue, que será realizada em fevereiro, março e abril. A chefe do Executivo também fez um balanço da ação realizada no sábado, 3, no Residencial 2000.

A prefeita também apresentou a página/site “Uberaba contra a dengue”, na qual constam os dados de prevenção, programação de limpeza e disque-dengue. E ainda, check-list desenvolvido pela Secretaria de Educação, para interação entre os alunos e a família.

“O combate à dengue é um compromisso de todos nós, por meio da eliminação de recipientes que possam servir de criatório para o transmissor da doença. Isso faz parte do papel de cidadania que deve ser exercido por cada um de nós”, destacou a prefeita Elisa Araújo.

A força-tarefa de combate à dengue, no sábado, reuniu mais de 60 agentes de combate às endemias, cinco caminhões cata-treco e uma patrola. A ação incluiu mutirão de limpeza, visita domiciliar e distribuição de material orientativo.

Foram visitados 1.874 imóveis no Residencial 2000 e região, no sábado (Filinha Mendes, Maringá, Jardim Califórnia, Zeca Mendes, Anatê, José Barbosa e Buritis). Só no 2000 foram 873 imóveis. Mais de 65 mil quilos de material inservível foram recolhidos. Equipes de combate às endemias e Codau continuam no bairro nesta segunda e terça.

A próxima ação já tem data marcada, será dia 24 de fevereiro, no bairro Vila Olímpica e região. Haverá mobilização das secretarias e parceiros, como o Tiro de Guerra, Câmara de Uberaba e Superintendência Regional de Saúde. No dia 23 de março, a ação será no Abadia e ainda no mês de abril (dias 13, 20 e 27), com locais a serem definidos.

Questionados sobre a presença do fumacê no combate às arboviroses, a secretária de Saúde, Valdilene Rocha, destacou que o município solicitou ao Estado envio dos veículos, equipamentos e insumos e, paralelamente, realiza processo licitatório para aquisição em Uberaba.

“É importante que continuemos combatendo o problema no início, que são os focos de criação do mosquito. Por isso, o apoio e participação da comunidade no cuidado e limpeza do próprio terreno é imprescindível para que a situação não se agrave. O fumacê é um inseticida que é disponibilizado pelo Estado seguindo normativas do Ministério da Saúde em situações de epidemia e que combate o mosquito em sua fase adulta, e nossa prioridade é não deixar o Aedes aegypti chegar nesta fase”, ressaltou Valdilene.

Na assistência médica, a secretária de Saúde destacou que toda rede passou por capacitação e o Município está preparado em caso alta incidência nas notificações. “Estamos acompanhando, diariamente, as notificações e nos preparamos para abrir novamente o Centro de Atendimento à Dengue no mês de março, com acolhimento e triagem do paciente e atendimento médico, seguido de medicação, hidratação e hemograma, em caso necessidade”, explicou a titular da Pasta.

Todas as unidades de saúde também já estão acolhendo a população. “Em caso de febre, dor nos olhos, nas articulações e manchas pelo corpo, procurem uma UBS mais próxima de suas residências, evitem a automedicação. Quanto mais rápido o diagnóstico for fechado, o tratamento mais eficaz será direcionado ao paciente”, pontuou.

Confira outras notícias: