Previous
Next

Taxa de Ocupação de Leitos desta quinta-feira (2) fica em 57% (rede pública) e 44% (rede privada); índices liberam cirurgias eletivas

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Governo Municipal apurou que a Taxa de Ocupação de Leitos, fechada nesta quinta-feira (2), apurada na semana de 27/08 a 02/09, ficou em 57% (rede pública) e 44% (rede privada). Esse índice libera para a próxima semana as cirurgias eletivas, conforme critérios definidos pela Secretaria Municipal de Saúde, nas redes pública e privada, agora observadas isoladamente.

O índice é apurado para balizar a retomada ou não das cirurgias eletivas. A aferição tem início na sexta-feira da semana anterior, com fechamento previsto para toda quinta-feira.

Como primeiro requisito para a retomada das cirurgias eletivas, a Taxa de Ocupação de Leitos de UTI-Covid tem que ficar abaixo de 70%, considerando a capacidade total de leitos UTI-Covid que cada rede assistencial do Município possui (rede pública: 60 leitos; rede privada: 43 leitos).

O paciente agendado para cirurgia eletiva, conforme as regras, terá que fazer Teste Rápido de Antígeno para minimizar a possibilidade de que pessoas com Covid sejam submetidas a procedimentos cirúrgicos eletivos. Essa é uma forma de resguardar também a saúde dos pacientes.

As normas são fruto da avaliação técnica da Secretaria de Saúde, respaldada e avalizada pelos Comitês Técnico e Estratégico de Enfrentamento à Covid-19. O Porta-Voz, órgão oficial do Governo, trará o detalhamento das novas medidas.

Confira outras notícias: