Servidor do Município dá lição de vida em depoimento no ‘Momento Azul’

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A sexta-feira (12) foi dia de reflexão e de lição de vida na Prefeitura de Uberaba. A reflexão sobre a saúde do homem teve direito à aula do experiente urologista Luciano Pousa Cartafina e a lição veio do chefe da Seção de Serviços Operacionais da Secretaria de Administração, Leônidas Albino Júnior, que prestou emocionante depoimento sobre a decisão de se prevenir e driblar o câncer de próstata.

Trata-se do “Momento Azul – O Homem Saudável”, evento promovido pelo Governo Municipal para servidores do sexo masculino das diversas pastas, proporcionando esclarecimentos sobre “Os cuidados necessários à saúde do homem”, título da aula de Cartafina.

O evento teve saudação inicial do prefeito em exercício, Moacyr Lopes, e do secretário de Saúde, Sétimo Bóscolo Neto, cuja pasta organizou o evento, entre 9h e 11h, com apoio da Chefia de Gabinete.

Antes da aula, entretanto, chamou a atenção a coragem e disponibilidade de Leônidas Albino Júnior para falar sobre o tema, após intervenção cirúrgica que o livrou de um tumor na próstata. “Hoje o que mais nos mata é o preconceito”, começou ele. Ele revelou ter avô, tio, mãe e irmão que enfrentaram o câncer. “Entendi que, se eu quisesse ter uma vida com a minha família, eu teria que fazer a prevenção. Então, optei por fazer duas vezes por ano esse controle, que é gratuito”, contou.

Leônidas testemunhou ainda haver preconceito entre homens que conhece, mas diz ter aprendido a combater esse comportamento. “Não deixei de ser mais ou menos viril, mais ou menos homem”, disse. Arrancou aplausos dos colegas no anfiteatro ao lembrar o abraço carinhoso da esposa e seus dois filhos, após a cirurgia. “Quando isso aconteceu eu pensei: valeu a pena”, finalizou.

Durante a aula, Cartafina apresentou dados da doença no Brasil e no mundo, falou da prevenção e cura, além de alertar para a constatação de que “98% dos cânceres descobertos ainda dentro da próstata têm cura”.

Lembrou também que os homens “devem procurar o médico, a partir dos 50 anos, mas aos 40 anos, se tiverem casos de câncer de próstata na família. Os exames gratuitos podem ser agendados nas unidades de saúde da rede municipal”.

Confira outras notícias: